segunda-feira, abril 02, 2012

O CINEMA E PIPOCA AGORA É UM SITE!

O Cinema e Pipoca mudou, se expandiu e deixou de ser um blog, para se transformar num site!

O dinamismo e a paixão pelo cinema e cultura pop em geral continuam as mesmas - assim como a atenção dedicada aos leitores - o que muda é apenas o endereço!

Agora estamos em www.cinemaepipoca.info!

Aguardo vocês por lá!


sábado, março 17, 2012

A HORA DO ESPANTO



Outra refilmagem que usa como desculpa ‘trazer’ para a nova geração um filme dos anos 80, mas ao contrário da maioria consegue ser razoavelmente interessante, mesmo que o diretor CRAIG GILLISPIE (A GAROTA IDEAL) se perca no terceiro ato e quase coloca tudo a perder, com as maquiagens fracas e pouco inspiradas.

Antes de qualquer outro ator em cena, temos que falar da naturalidade e do grau de diversão de COLIN FARRELL (QUERO MATAR MEU CHEFE) em frente às câmeras, interpretando o vampiro Jerry.
Além disso ANTON YELCHIN (STAR TREK) faz bem às vezes do nerd que é ridicularizado na escola e se vê numa situação completamente improvável.

A produção acerta em colocar uma roupagem atual, mas com um pezinho no passado (a escola e seus alunos, por exemplo, tem muita cara de ‘anos 80’) e ao diminuir a localização para uma pequena cidade tende a deixar a ação mais ágil.
Não podemos esquecer da mãe que é seduzida pelo galã e a namorada do protagonista, que tem a função correr e dar alguns gritos.

Charley Brewster vive com a mãe num bairro tranquilo dos Estados Unidos, mas a vida deles começa ficar diferente, quando um estranho vizinho se muda para lá.
Ed, o melhor amigo de Charley crê que o homem é um vampiro, mas ninguém acredita, porém depois de vários desaparecimentos estranhos, Charley passará a acreditar no amigo e a lutar por sua sobrevivência e de sua família.

O tom trash, com uma boa quantidade de sangue agrada e deixa o espectador ansioso com todo o potencial que o filme parece ter, o problema é que A HORA DO ESPANTO vai perdendo força no decorrer dos minutos.
Por fim, os créditos sobem, a computação gráfica deixa um pouco a desejar e você acabará esquecendo do filme em pouco tempo. Divertido, mas de certa forma bem ordinário.

Título Original: Fright Night
Ano Lançamento: 2011 (Estados Unidos/Índia)
Dir: Craig Gillespie
Elenco: Anton Yelchin, Colin Farrell, Toni Collette, David Tennant, Imogen Poots, Christopher Mintz-Plasse, Dave Franco

ORÇAMENTO: 17 Milhões de Dólares

sexta-feira, março 16, 2012

CINEMA: ESTRÉIAS DA SEMANA (16 / 03)

Semana lotada de boas estréias, que vão desde uma aventura com jovens super poderosos, passando por uma comédia de ação, um documentário do maior lutador de MMA de todos os tempos, até chegar no aclamado drama estrelado por Michael Fassbender. Bom diversão neste fim de semana queridos leitores!

Projeto X
Gênero: Comédia
Sinopse: Três garotos no último ano do colégio decidem fazer uma festa de aniversário para serem reconhecidos. Porém, no decorrer da festa, as coisas saem de controle.
País/Ano: Estados Unidos/2012
Elenco: Thomas Mann, Oliver Cooper, Miles Teller, Jonathan Daniel Brown, Bliss Blanton Kirby
Direção: Nima Nourizadeh
Distribuidora: Warner Bros

Guerra é Guerra!
Gênero: Comédia/Ação
Sinopse: Dois amigos inseparáveis se apaixonam pela mesma garota e acabam entrando em uma guerra cheia de ação para conquistá-la. Como ambos são veteranos espiões, a batalha pelo coração da garota toma grandes proporções.
País/Ano: Estados Unidos/2011
Elenco: Reese Witherspoon, Chris Pine, Tom Hardy, Laura Vandervoort, Til Schweiger, Rebel Wilson, Angela Bassett
Direção: McG
Distribuidora: Fox Film

Anderson Silva: Como Água
Gênero: Documentário
Sinopse: Documentário que acompanha os bastidores e a preparação de Anderson Silva, campeão dos pesos médios do UFC, para a luta contra o norte-americano Chael Sonnen.
País/Ano: Estados Unidos/2011
Elenco: Anderson Silva, Jose Aldo, Junior Dos Santos, Ramon Lemos, Lyoto Machida
Direção: Pablo Croce
Distribuidora: California Filmes

Shame
Gênero: Drama
Sinopse: Brandon, é um sujeito bem-sucedido, que mora num luxuoso apartamento em Nova York e tem acesso a tudo. Mas Brandon também é um homem com problemas de intimidade, que se refugia no sexo. As coisas pioram quando sua irmã chega à cidade de surpresa.
País/Ano: Reino Unido/2011
Elenco: Michael Fassbender, Carey Mulligan, James Badge Dale, Mari-Ange Ramirez, Lucy Walters
Direção: Steve McQueen
Distribuidora: Paris Filmes

PIPOCAST S. 02 - EP. 03 - A EVOLUÇÃO DO CINEMA BRASILEIRO


Éder (@cinema_e_pipoca), Diogenes (@conquistadoresd), Dan (@danpessoa) e Jone (@euvoudemochila) comentam neste pipocast sobre a evolução do cinema nacional, abrangendo nomes como Mazzaropi, Os Trapalhões, Pornochanchada e muito mais!

E para você, o cinema nacional pode ser considerado um dos melhores do mundo? Aperte o play e bom programa!

Obs.: Lembrando que seus comentários podem ser lidos no próximo podcast. Não se esqueça de colocar seu nome e cidade (a não ser que queira ser chamado de andarilho).


DURAÇÃO DO PIPOCAST: 71 minutos aprox.

SUGESTÕES, CRÍTICAS OU PERGUNTAS:
envie e-mails para blogcinemaepipoca@hotmail.com

INFORMAÇÕES: Aperte o botão PLAY abaixo ou clique em DOWNLOAD (o arquivo está no formato MP3) para desfrutar dessa baboseira no seu PC.



terça-feira, março 13, 2012

BILLI PIG



Ó cinema nacional... por que fazes isto comigo?
Gostaria honestamente de saber quem é o cidadão que lê um roteiro tão sem cabimento como o de BILLI BIG e ainda investe dinheiro nisso! O filme é uma comédia que não faz rir e pior, testa a capacidade de paciência do espectador.

São tantos os erros que fica até difícil saber por onde começar, talvez dizer que SELTON MELLO (O PALHAÇO) não precisava passar por este tipo de vergonha alheia? Ou quem sabe pedir para GRAZI MASSAFERA treinar um pouco mais seu timming cômico antes de testá-lo frente às câmeras? Ou ainda pedir pelo amor dos deuses do cinema, que coloquem um pouco de juízo na cabeça dos produtores e parem de achar que o humor da Rede Globo serve de parâmetro para algo.

JOSÉ EDUARDO BELMONTE (SE NADA MAIS DER CERTO), pode ser comparado a um principiante na arte de roteirizar e dirigir, sem contar que a maior parte das seqüências beiram o absurdo.
Os pontos positivos são, o pouco uso de palavrões e a presença divertida de MILTON GONÇALVES (CARANDIRU).

Wanderley é um corretor de seguros falido que tenta ajudar sua esposa Marivalda a se tornar atriz. Ela por sua vez, conversa com um cofre em forma de porco.
Num outro lugar da cidade, a filha de um perigoso traficante é alvejada com um tiro e fica em coma. Vendo a oportunidade, Wanderley monta um plano para tirar dinheiro do tal traficante, mas para isso acontecer, terá que contar com um milagre divino.

A coisa é tão constrangedora e horrorosa que perto dela, CILADA.COM pode ser considerado uma obra prima nacional, assim como ASSALTO AO BANCO CENTRAL.
Termos como ridículo, vergonhoso e esdrúxulo são pouco impactantes para expressar o quão ruim é BILLI PIG.

Título Original: Billi Pig
Ano Lançamento: 2012 (Brasil)
Dir: José Eduardo Belmonte
Elenco: Selton Mello, Grazi Massafera, Milton Gonçalves, Otávio Muller, Milhem Cortaz, Preta Gil, Cássia Kiss

ORÇAMENTO: 6 Milhões de Reais

sábado, março 10, 2012

A PELE QUE HABITO



Nunca fui um assíduo espectador de PEDRO ALMODÓVAR, não porque seus filmes me desagradassem, mas porque a quantidade de lançamentos para se assistir é imensa e temos que fazer certas escolhas, deixando passar certas pérolas irretocáveis como VOLVER, por exemplo.

No caso de A PELE QUE HABITO, fiz todo o possível para acompanhar essa nova empreitada do diretor, num gênero onde ele nunca havia trabalhado.
De fato, é o Frankstein do diretor, com todas as discussões filosóficas sobre vida, ressurgimento e todo o caos que se passa na cabeça da vítima e do cientista – no caso cirurgião.

ALMODÓVAR continua brincando com as cores, sempre vivas e marcantes em toda sua carreira, e além disso, tira uma interpretação maravilhosa de ANTONIO BANDERAS (A MÁSCARA DO ZORRO) e da linda ELENA ANAYA (LÚCIA E O SEXO), que tem uma presença hipnótica frente às câmeras.

O diretor e roteirista, brinca com o espectador, fazendo-nos ir e vir no tempo, trabalhando milimétricamente cada detalhe, para chegar ao inesperado e atordoante desfecho com uma veracidade ímpar, como se estivéssemos cegos a todo o tempo e alguém abrisse nossos olhos para a cruel realidade.

Robert é um cirurgião plástico que vive com sua filha Norma, que tem problemas psicológicos desde que viu a mãe se suicidar. Ao tentar se readaptar à sociedade, pai e filha vão a um casamento e lá Norma conhece Vicente, que a leva para longe e a estupra.
A garota passa a acreditar que seu pai a violentou e com essa sede de vingança Robert traçará um plano para Vicente.

Falar alguma coisa a mais, seria estragar toda a sutileza de diálogos e de ações. Simplesmente um dos melhores filmes lançados nos cinemas em 2011 e sorte minha não ter deixado passar batido desta vez. Mas o fato é que, no cinema ou em casa, vale a pena ver, rever e discutir A PELE QUE HABITO.

Título Original: La piel que habito
Ano Lançamento: 2011 (Espanha)
Dir: Pedro Almodóvar
Elenco: Antonio Banderas, Elena Anaya, Blanca Suárez, Marisa Paredes, Jan Cornet, Fernando Cayo, Eduard Fernández, Isabel Blanco


ORÇAMENTO: 13 Milhões de Euros

CINEMA: ESTRÉIAS DA SEMANA (09 / 03)

John Carter: Entre Dois Mundos
Gênero: Fantasia
Sinopse: John Carter é inexplicavelmente transportado para Marte, onde se vê envolvido em um conflito de proporções épicas entre os habitantes do planeta, incluindo Tars Tarkas e a atraente Princesa Dejah Thoris. Em um mundo à beira do colapso, Carter descobre que a sobrevivência de Barsoom e de seu povo está em suas mãos.
País/Ano: Estados Unidos/2012
Elenco: Taylor Kitsch, Lynn Collins, Willem Dafoe, Bryan Cranston, Ciarán Hinds, James Purefoy, Mark Strong, Dominic West, Thomas Haden Church
Direção: Andrew Stanton
Distribuidora: Walt Disney

O Grande MilagreGênero: Drama
Sinopse: Repórter que está no Alasca chama sua ex-namorada, uma voluntária do Greenpeace, para participar de uma campanha para salvar baleias presas no gelo do Ártico.
País/Ano: Estados Unidos/Reino Unido/2012
Elenco: Drew Barrymore, John Krasinski, Vinessa Shaw, Kristen Bell, Dermot Mulroney, Ted Danson
Direção: Ken Kwapis
Distribuidora: Universal Pictures


O Pacto
Gênero: Ação
Sinopse: Depois que sua mulher é agredida, homem contrata um grupo de vigilantes para ajudá-lo a acertar as contas com o agressor.
País/Ano: Estados Unidos/2011
Elenco: Nicolas Cage, January Jones, Jennifer Carpenter, Roger Donaldson, Guy Pearce, IronE Singleton
Direção: Roger Donaldson
Distribuidora: Imagem Filmes


W. E. - O Romance do Século
Gênero: Romance
Sinopse: No passado o Rei Eduardo VIII, da Inglaterra, se apaixona pela americana Wallis Simpson, uma plebéia divorciada. Nos dias de hoje, uma mulher casada vive um romance com um agente de segurança russo.
País/Ano: Reino Unido/2011
Elenco: James D'Arcy, James Fox, Andrea Riseborough, Abbie Cornish, Natalie Dormer, Oscar Isaac
Direção: Madonna
Distribuidora: Playarte Pictures

quinta-feira, março 08, 2012

TOP CP - 5 FILMES PARA VER NO DIA DAS MULHERES

O Cinema e Pipoca presta uma pequena homenagem ao Dia Internacional das Mulheres e lista 5 filmes que nossas musas inspiradoras devem assistir!

P.S. EU TE AMO (2007)

Lindo drama como HILARY SWANK e GERARD BUTLER, que vai e vem no tempo para mostrar uma espécie de 'mapa de recomendações', que Gerry deixa para sua esposa lodo depois de sua morte, para que ela possa seguir sua vida sem qualquer tipo de arrependimento ou dúvida.

ANTES DO PÔR DO SOL (2004)

Após nove anos desde o primeiro filme, Jesse e Celine se reencontram, mais maduros e bem diferentes do que eram, porém o amor entre eles resistiu ao tempo e aqui, farão uma viagem as ruas de Paris, que marcará para sempre o destino dos dois.

ERIN BROKOVICH - UMA MULHER DE TALENTO (2000)

Apesar de particularmente não ser muito fã desse filme (por achar um dramalhão difícil de ser engolido), a personagem principal tem uma força de vontade inquestionável e vai até as últimas conseqüências para defender uma cidade que está sendo prejudicada por uma grande empresa.

O FABULOSO DESTINO DE AMELIÉ POULAIN (2001)

A doce e inocente Amelié, que trabalha como garçonete, encontra uma caixa cheia de coisas antigas e decide encontrar o dono dos objetos. Começa então a fábula que conta com uma fotografia brilhante e uma aula de cinema, dirigida por Jean Pierre Jeunet. É AUDREY TAUTOU no seu melhor trabalho!

SOB O SOL DE TOSCANA (2003)

Protagonizado pela lindíssima DIANE LANE, é um romance bastante comum, mas que ainda emociona. Frances é uma escritora que separa-se do marido e se muda para outro lugar, para tentar recomeçar sua vida!

quarta-feira, março 07, 2012

O LEGADO DISNEY - PARTE 1

Dizer que o legado que Walt Disney deixou é um dos mais importantes de todos os tempos no cinema pode parecer clichê, mas o fato é que além disso, criou também um império gigantesco que hoje conta com Parque Temático, a produtora cinematográfica, milhões de brinquedos e outras infinidades de bugigangas.

Este gênio, nasceu em Chicago em 5 de dezembro de 1901 e foi – além de co-fundador da The Walt Disney Company – produtor cinematográfico, cineasta, diretor, roteirista, dublador, animador, empreendedor e filantropo. Faleceu em 15 de dezembro de 1966, em Los Angeles.


Aqui faremos um resumão com as animações mais importantes lançadas pelo estúdio...

Em 1937, a produtora lança a primeira animação em longa metragem feita nos Estados Unidos, intitulada BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES, que concorreu ao Oscar de Melhor Trilha Sonora e ganhou um prêmio no Festival de Veneza.

3 anos depois PINÓQUIO é lançado e fracassa nas bilheterias, mas mesmo assim consegue duas indicações ao Oscar: Melhor Trilha Sonora e Canção. Outro detalhe importante: foi o primeiro desenho a ganhar relançamento.

No mesmo ano o camundongo Mickey protagonizaria FANTASIA e foi um grande marco de público e crítica, faturando mais de 76 milhões de dólares (um sucesso estrondoso para a época), além de dois Oscars honorários, em virtude ao trabalho inovador.


Em 1941 foi a vez de DUMBO fazer a alegria de crianças e adultos e no outro ano surgiram BAMBI, que teve um trabalho minucioso de pesquisa para criar a floresta e alguns humanos foram utilizados para deixar os movimentos dos personagens mais próximos à realidade e também ALÔ, AMIGOS, que trouxe para as telonas o famoso Zé Carioca.

Para manter boas relações com os países da América do Sul durante a 2ª Guerra Mundial, a produtora decide fazer VOCÊ JÁ FOI À BAHIA?, que mistura live action com animação e que concorreu aos Oscars de Melhor Trilha Sonora e Mixagem de Som.

Em 1946 surge a coletânea de filmes MÚSICA, MAESTRO, no ano seguinte outra coletânea, chamada COMO É BOM SE DIVERTIR, além de TEMPO DE MELODIA (1948).
Nessa época o estúdio passava por uma crise financeira gigantesca, pois foi obrigada a criar filmes para o exército, mas foi com CINDERELA (1950) que Walt Disney deu a volta por cima e tendo cerca de 90% dos movimentos dos personagens, baseados em atores reais.


No ano seguinte ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS, foi o primeiro longa do estúdio a ser exibido na TV. O filme foi desenvolvido durante nada menos que dez anos – foram cinco anos apenas para produzi-lo.
Daí, PETER PAN (1953) chega como o último filme do estúdio a ser supervisionado pelos nove animadores originais e dois anos depois foi lançado A DAMA E O VAGABUNDO.


Então surge o filme com a mais longa produção (foram 7 anos) da Disney na época, A BELA ADORMECIDA, esta demora ocorreu porque Walt Disney se dedicava, entre outras coisas, aos projetos de construção da Disneylândia.

Em 1961 foi a vez de 101 DALMATAS, que também teve uma versão em live action em 1996, fazer grande sucesso nas bilheterias, além de A ESPADA ERA A LEI estrear em 1963. Dali 4 anos, MOGLI – O MENINO LOBO, seria o último filme a ser supervisionado por Disney, que faleceu quando o projeto ainda estava em produção.
Related Posts with Thumbnails
 

Postagens + Populares da Semana