sexta-feira, junho 04, 2010

LUNAR

img43.imageshack.us

Já disse isso em algumas das minhas críticas anteriores, mas após ver LUNAR vale a pena repetir: é inaceitável que filmes como este fiquem fora das programações nos multiplex nacionais.
O tratamento que lhe é dado, tanto em relação à fotografia, quanto no roteiro (que faz inúmeras referências a 2001 – UMA ODISSÉIA NO ESPAÇO) são quase perfeitos e o diretor DUNCAN JONES, prova em sua estréia, muito talento.

Apesar de ser um produto menor, é uma ficção científica que dialoga muito com o espectador a respeito de temas como angústia, dúvida e todos os medos relacionados à solidão.
Temos aqui, pequenas doses de suspense, uma eloqüência dramática magistral de SAM ROCKWELL (HOMEM DE FERRO 2) e sua loucura contida.

Sam Bell é um astronauta que está a quase 3 anos, numa base na lua e, ao completar este período, retornará à Terra. Suas únicas companhias são, os programas televisivos antigos e um robô, porém após um acidente ele começa a ter certas dúvidas sobre a seriedade da empresa pela qual trabalha. Contar mais sobre a história, seria estragar diversas surpresas inteligentes.

É provável que, alguns espectadores saiam um tanto frustrados, pois escolhe-se um ritmo mais lento, sem grandes exageros, pois o roteiro propicia isso.
Aclamado no Festival de Sundance, LUNAR mostrou a que veio, causando impacto positivo em toda críticas especializada. Uma das melhores sci-fi dos últimos anos, juntamente com DISTRITO 9 e STAR TREK!

Título Original: Moon
Ano Lançamento: 2009 (Reino Unido)
Dir.:
Duncan Jones

Elenco:
Sam Rockwell, Kevin Spacey, Dominique McElligott, Rosie Shaw, Adrienne Shaw, Kaya Scodelario


ORÇAMENTO: 5 Milhões de Dólares

1 comentários:

Elder disse...

Vi o filme e gostei, porém muitos estão elogiando de uma maneira que eu não concordo, mas é sim um bom filme e aconselho.

Abraços.

Related Posts with Thumbnails